008.05 – O RELACIONAMENTO ENTRE OS CRENTES

008.05 – O RELACIONAMENTO ENTRE OS CRENTES

“O Profeta (Salalahu Aleihi Wassalam) referiu que são seis, os deveres de um muçulmano para com outro:

1 – Cumprimentá-lo dizendo Assalamo Aleikum – quando o encontrar;

2 – Aceitar o seu convite;

3 – Responder (em Árabe) – IarhamocAllah – se ele disser – Allam’dulillah – depois de espirrar;

4 – Visitá-lo quando ele estiver doente;

5 – Acompanhar o seu funeral;

6 – Desejar para ele o que deseja para si próprio.”

O Profeta (Salalahu Aleihi Wassalam) referiu ainda: “Ajuda-lo se estiver em dificuldades ou na aflição. Visitá-lo somente para agradar a Allah Subhanahu Wataala. Felicitá-lo nas ocasiões especiais (Ide, Juma, etc..). Trocar prendas nas ocasiões especiais, porque isto aumenta a amizade entre as pessoas.

Abu Huraira (Radyalahu an-hu), narrou que o Profeta (Salalahu Aleihi Wassalam) disse: “Não é permitido a um crente cortar relações (deixar de falar) com o outro por um período acima de 3 dias. Se passarem 3 dias e ele se encontrar com quem se zangou deverá saudá-lo. Se o outro responder-lhe, então ambos partilharão da recompensa. Mas o outro não responder, então carregará o fardo do seu pecado – quem cumprimentou, estará livre do pecado.

Muhammad (Salalahu Aleihi Wassalam) perguntou aos seus companheiros (Radyalahu an-huma) se sabiam quem é o falido –“Muflis”? Eles responderam que o falido entre nós é o que não tem dinheiro nem propriedades. Então o Profeta (Salalahu Aleihi Wassalam) disse: “O falido no meu Ummah é aquele que virá no dia do Juízo Final com Salats, Jejuns, Zakates cumpridos, mas por ter insultado, acusado, gasto dinheiro de outrem, agredido alguém, derramado sangue de alguém, serão levadas as recompensas das suas boas acções e entregues aos lesados. Se as recompensas terminarem antes de se pagar o que ele devia aos outros, então, ser-lhe-ão atribuídos os pecados dos lesados e finalmente será lançado ao fogo” – Relato de Musslim.

Rabaná ghfirli waliwa lidaiá wa lilmu-minina yau ma yakumul hisab”. “Ó Senhor nosso, no Dia da Prestação de Contas, perdoa-me a mim, aos meus pais e aos crentes”. Cur’ane 14:41. “Wa ma alaina il lal balá gul mubin”  “E não nos cabe mais do que transmitir claramente a mensagem”. Surat Yácin 3:17. “Wa Áhiro da wuahum anil hamdulillahi Rabil ãlamine”. E a conclusão das suas preces será: Louvado seja Deus, Senhor do Universo!”. Cur’ane 10.10.

Abdul Rehman Mangá

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s