O SALAT (ORAÇÃO) NA VIAGEM

A ORAÇÃO NA VIAGEM

O Mussáfir, é quem vai viajar para fora da sua localidade de residência e  espera percorrer uma distância superior a 77 quilómetros. Segundo o Imamo Abu Hanifa (Rahmatulahi Aleihi),  o muçulmano deverá fazer o niayate – intenção antes de iniciar a viagem. Na viagem e na estadia no local de destino, durante 15 dias, é obrigatória a redução dos números de rakátes nas orações de Zuhr, Assr e Isha’a, de 4 para 2 rakátes. É chamado de “Cassr”. Nas restantes orações,  Fajr e Magrib, manterá os números de 2 e 3 rakátes, respectivamente. A oração de Witr depois de Isha’a, deve ser feita.

O viajante  ao orar em congregação, atrás de um Imamo residente da localidade, deve seguir a totalidade dos rakátes. Por outro lado, se o viajante  for convidado para servir de  Imamo, fará o número de rakates reduzidos; neste caso, os residentes, individualmente, sem romperem a oração,  imediatamente após o Imamo  fazer o salam, deverão  completar os rakátes em falta.

No Cur’ane, Allah, nosso Guia, refere: “E quando viajardes pela terra, não é pecado para vós abreviardes a oração.” 4:101

Yáala Ibn Umaiyah (Radiyalahu an-hu) perguntou a Omar (Radiyalahu an-hu), porque continuavam a reduzir a oração nas viagens, já que estavam em paz? Omar respondeu que perguntara o mesmo ao Profeta (Salalahu Aleihi Wassalam) e que  obteve a seguinte resposta: “A redução da oração na viagem é um Sadacah de Deus (uma dádiva) que vos deu, portanto aceitai o Sadacah de Allah.” (Relato de Musslim).

Mesmo nas viagens de  férias, durante aquele período de tempo, devemos reduzir o número das orações.

Apesar de haver algumas passagens que o Profeta Muhammad (Salalahu Aleihi Wassalam), durante a viagem fazia as orações sunnat e outras vezes não o fazia, eis aqui a opinião de Hazrat Abdallah Ibn Omar (Radiyalahu an-hu). Ele reduzia sempre o número de orações nas suas viagens e não fazia nenhuma oração antes e depois da oração obrigatória. E foi-lhe perguntado porque assim procedia, pelo que respondeu: “Esta é  a forma que eu vi o Profeta (Salahau Aleihi Wassalam) a fazer. (Relato de An-Nassai).

Hafss Bin Ássim (Radiyalahu an-hu) ouviu do seu pai dizer uma passagem  que numa viagem depois de fazer o salat obrigatório reduzido, Omar (Radiyalahu an-hu) viu algumas pessoas a fazerem orações e ele perguntou o que estavam a fazer. Foi-lhe respondido que estavam a fazer as orações sunates. Ao que ele replicou: “Se eu fizesse a oração sunnat antes ou depois da oração obrigatória, eu teria feito a minha oração principal  de forma  completa, isto é, sem redução.” Relato de An-Nassai.

A redução das orações durante as nossas viagens, é uma dádiva do nosso Senhor. Assim, cada um fará o melhor juízo  se deve ou não fazer as restantes orações facultativas.

Abdul Rehman Mangá

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s